GuidePedia

0


Um homem identificado como Thiago Santos da Silva, 28 anos, foi preso na manhã desta quarta-feira (3), na cidade de Iramaia, a cerca de 260km  de Salvador. Segundo a delegada titular da Delegacia Territorial de Iramaia, Ana Beatriz de França Bomfim, Thiago é acusado de praticar ilegalmente a medicina e usava o registro do médico Tiago Oliveira Lordelo para atender pacientes no Hospital Municipal. 
 
Ainda de acordo com a delegada, Thiago Santos teria cursado medicina na Bolívia, mas não possuía o credenciamento para o exercício da profissão no Brasil e passou a utilizar, desde 2013, no hospital de Iramaia, o CRM falso, porém sem contratação regular junto a Secretaria Municipal de Saúde, conforme o Blog Marcos Frahm. 
 
A delegada passou a investigar o caso após denúncia do Conselho Regional de Medicina em Jequié. Oriundo do Acre, ele informou que residia em Feira de Santana/BA e que, na ocasião, em 2013, teria chegado a Iramaia para substituir um médico que hoje não atua mais na unidade hospitalar e permaneceu na cidade, onde criou laços de amizade e de confiança entre os pacientes, muitos dos quais revelam terem sido conquistados por Thiago Santos da Silva, que oferecia atendimento impecável, apesar de atuar ilegalmente. 
 
O acusado ainda revelou à polícia que por questões financeiras não regularizou a situação e que já estava com viagem marcada para concluir o credenciamento. Ele foi preso em ação da delegada com apoio da Polícia Militar e levado para a Delegacia, onde ficará preso. Fonte: Bocão News

Postar um comentário

 
Top