GuidePedia

0
Foto: José Cruz/ Agência Brasil

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), criticou a ação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva contra o juiz federal Sérgio Moro. Segundo ele, a decisão de recorrer no Comitê de Direitos Humanos da ONU é "precipitada" e tem caráter político. "No mínimo, eu diria que era uma ação [de ir à ONU] precipitada, mas deve ter uma lógica no campo político, onde o presidente atua com maestria. Não me parece que seja questão de ser analisada no plano jurídico. Me parece que é mais uma ação de índole política", afirmou em entrevista à Folha de S. Paulo. Os advogados do ex-presidente alega que Moro desrespeita um pacto internacional de proteção aos direitos humanos ao qual o Brasil aderiu em 2009. A defesa inclusive contratou um escritório britânico especializado em direitos humanos.(Bahia Notícias)

Postar um comentário

 
Top