Geral

Médico que seria primeiro vacinado contra Covid-19 em Mutuípe morre nesta quarta

Médico que seria primeiro vacinado contra Covid-19 em Mutuípe morre nesta quarta

Foto: Reprodução/ Mídia Bahia

O médico Divaldo Brandão morreu, na manhã desta quarta-feira (20), aos 95 anos. Ele seria o primeiro vacinado contra Covid-19 no município de Mutuípe, em evento realizado também nesta manhã.

Segundo o portal Mídia Bahia, o velório será realizado na sede da Câmara de Vereadores da cidade, às 10h, e depois o corpo será trazido para Salvador, onde ocorrerá o sepultamento. A causa da morte e as circunstâncias não foram divulgadas.

(Bahia Notícias)

 

De acordo com a publicação, Brandão foi levado para trabalhar em Mutuípe pelos ex-prefeitos Julival Rebouças e Clélia Rebouças durante o surto de febre tifóide na região. O médico atendia as áreas de clínica médica geral e ginecologia.

 

Na década de 90, ele chegou a disputar a prefeitura da cidade, mas perdeu a eleição. Além disso, Brandão fez história na área social, como sócio-fundador da Associação Cultural e sócio-fundador do Sindicato Rural de Mutuípe, sendo o primeiro presidente da entidade.

Mostre mais

Natan Mobuto

Radialista/Locutor na empresa TVNBN

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo